ENTREGAS POR DRONE? JÁ PENSOU, SUA PIZZA SENDO ENTREGUE POR UM DRONE?

0 comentários

Drone carregando uma embalagem para fazer entrega de produtos

Quantidade de prédios ainda são impeditivos nas grandes cidades. Indústria deve ser a primeira grande usuária das aeronaves não tripuladas no Brasil, dizem especialistas.

Os drones podem ser definidos como veículos aéreos pilotados remotamente e não tripulados. Eles são leves, podem voar por cerca de 40 minutos e ficar até 60 metros de altura. Normalmente, os drones portam câmeras que mostram a área que está sendo sobrevoada. O controle é feito via rádio e eles possuem GPS integrados.

A princípio, sua utilização era voltada principalmente para fins militares. Posteriormente, os drones passaram a atuar em questões comerciais ou mesmo para diversão. Um exemplo disso é o monitoramento na agricultura e filmagens para programas de TV.

Vídeo abaixo mostra o Amazon Prime Air, sistema de entrega por drone da Amazon.

Os primeiros protótipos de drones de entrega de alimentos incluem o Tacocopter, que era um conceito de entrega de taco utilizando um aplicativo de smartphone para encomendar tacos na região de São Francisco. Um conceito semelhante chamado de "bombardeiro burrito" foi testado em 2012. Naquele mesmo ano, um projeto estudantil da Universidade Livre de Berlim examinou o uso de drones para entrega de pizza. Em 2013, como parte de uma campanha publicitária, uma franquia independente da Domino's UK testou o Domicopter. Voos similares foram conduzidos na Índia e na Rússia, mas não tiveram aprovação regulatória.

Uma parceria entre a 7-Eleven e a Flirtey resultou na primeira entrega aprovada pela FAA para uma residência nos Estados Unidos em julho de 2016. No mês seguinte, a empresa fez uma parceria com a Domino's na Nova Zelândia para lançar o primeiro serviço de entrega comercial de drones. 

Em setembro de 2016, a Chipotle Mexican Grill fez uma parceria com o Alphabet X e anunciou que planejava testar as entregas de drones no campus da Virginia Tech. As entregas foram programadas para serem entregues em uma área contida, com os alimentos a serem entregues sendo feitos no local.

AS VANTAGENS:

A maior vantagem de adotar essa tecnologia é que ela permite realizar, por um custo muito mais baixo, atividades que, antes, precisariam de um voo tripulado.

A realização de entrega por drones apresenta algumas vantagens com relação às entregas realizadas de forma tradicional. As principais são:

  • custo reduzido: como eles não necessitam de um piloto dedicado, os custos de uma operação são consideravelmente menores;
  • flexibilidade: como essa modalidade de entrega não envolve o trânsito nas cidades, não há a necessidade de uma roteirização como é feito com os veículos;
  • mais agilidade: essa vantagem também está ligada ao fato de não haver trânsito envolvido. Com isso, as entregas são feitas com mais agilidade do que o transporte convencional.

A entrega por drones é considerada uma tendência e possui um grande potencial para trazer bons resultados para a empresa, aumentando ainda mais a satisfação dos clientes. Contudo, essa estratégia possui algumas limitações que ainda precisam ser contornadas para ser finalmente implementada.

Qual é a sua opinião sobre esse assunto? Suas dúvidas foram esclarecidas? Compartilhe suas ideias conosco aqui nos comentários e participe da conversa!

GRANDE ABRAÇO: EQUIPE ELETROELETRONIC.

 

Deixe um comentário

translation missing: pt-BR.blogs.comments.note